quinta-feira, 7 de julho de 2011

DIFERENTE NATAL


DIFERENTE NATAL

Dois miúdos tristonhos conversavam
sentados na soleira de um portal;
olhos postos nas montras que brilhavam,
ostentando os brinquedos de Natal.

Outros natais passados recordavam
como se fossem imagens de postal.
Os pais, que eram ditosos, se beijavam        
e tudo lhes parecia imortal!

Mas, de repente, o mundo soçobrou
e sobre a farta mesa o pão faltou,
trazendo para os pais desassossego!

E os dois meninos diziam tristemente.
- Eu peço ao Pai Natal que dê somente
para meu pai, de novo, o seu emprego!

 Maria de Lourdes Moreira Martins
in “Castelo de Legos”

Sem comentários:

Publicar um comentário